INÍCIO > BLOG > VENDAS

CONFIRA O NOSSO BLOG

  • EJ UNICAP

#1 No que empreender? Como descobrir qual produto/serviço o mercado deseja naquele momento?

Atualizado: 23 de Ago de 2019



Muitas vezes quando pensamos em uma ideia e almejamos vendê-la, fica o questionamento: Será que as pessoas pagariam pelo meu produto? Ou melhor, será que o público que eu tenho em mente é o certo e vai me dar retorno financeiro? E com isso, você vai criando vários “serás” sobre se deve começar a investir ou não. De fato, é muito mais complicado entrar nesse mercado sem ter nenhuma expertise na área, é como dar um tiro no escuro, você não saberá se acertou o alvo ou não. Por isso, é crucial fazer um estudo sobre a relação entre o produto/serviço e o cliente, para assim ter o conhecimento do mercado necessário e se inserir de maneira mais assertiva.


Agora, você sabe como fazer esses estudos? Quais as ferramentas que são necessárias para obter as respostas de uma forma mais prática?


Diante disso, é interessante destacar a estratégia do oceano azul. W. Chan Kim e W. Chan Kim Renée Mauborgne em seu livro, de mesmo nome, explicam e desenvolvem sobre a estratégia que fala sobre competição entre concorrentes, usada por grandes empresas como Uber, Apple, YouTube, que a melhor forma de se destacar não é tentando superar seu concorrente, mas buscar mercados que ainda não foram explorados. Isso é denominado pelos autores como “Oceano Azul”. Para isso é importante fazer estudos detalhados e profundos sobre o possível público para buscar a veracidade das suas informações, comportamentos e hábitos, pois, ao serem perguntados diretamente, de forma inconsciente, eles podem dar uma resposta que não condizem com o que de fato aconteceria com eles. Isso ocorre porque eles acabam tendendo a buscar uma resposta certa para a pergunta quando, na verdade, não há. Por isso o estudo detalhado e profundo de clientes e não-clientes é importante para identificar alguma necessidade, que seja tão difícil de se perceber, que nem a própria pessoa sabia que precisava de ajuda.

Qual a importância de estudar os consumidores dos seus concorrentes?


Pode até parecer desnecessário estudar as pessoas que não consomem seu produto, mas eles podem revelar muito mais informações e oportunidades do que os seus clientes. O objetivo é entender o porquê que eles optam por um produto semelhante ao invés consumir o seu produto, buscar o motivo e a preferência deles pelo seu concorrente. É o preço que é mais acessível? Será que o custo-benefício é melhor? O que meu produto não faz que o outro faz? A partir desses e outros questionamentos você tem como fazer uma autoavaliação no seu produto e, diante disso, reestruturá-lo visando atender, minimamente, a maioria das perguntas feitas anteriormente sobre a aceitação do seu produto. Contudo, como saber se, após identificadas e solucionadas, as diferenças entre o meu produto e o da concorrência, a clientela irá optar pelo seu?


Como utilizar o Design Thinking para escolher o seu produto?


Primeiramente, vale ressaltar que o Design Thinking não é uma metodologia, ele é uma maneira de buscar soluções, para a demanda que não é atendida, em conjunto com as pessoas que tem interesse no seu produto, seus stakeholders. Segundo Ricardo Ruffo, Cofundador e Diretor da Echos – Innovation Lab School of Design Thinking, o principal objetivo é “calçar os sapatos do cliente”, se colocar no lugar dele para entender sua realidade e buscar oferecer a melhor solução. A partir disso há uma colaboração entre o cliente e o empreendedor, uma vez que o cliente colabora para o empreendedor continuar com o seu produto e o empreendedor colabora para ajudar seus clientes com o seu produto.





Agora que sabemos a ideia do Design Thinking é possível estudarmos suas etapas para aplicá-lo:


  1. Identificar uma oportunidade de inovação abrange, principalmente, ter bastante conhecimento sobre seus concorrentes. Diante disso, é possível observar coisas que seus concorrentes não fazem e que podem se tornar seu diferencial no mercado;

  2. Isto posto, é viável escolher qual das oportunidades se encaixa dentro da sua realidade e some, positivamente, na vida do cliente;

  3. Desenvolver a oportunidade de inovação é quando o produto começa a se aprimorar a partir das necessidades observadas do público;

  4. Testar a ideia tem como objetivo pôr em prática se, realmente, seu produto atinge e satisfaz os pontos de necessidade identificados. O MVP (Minimum Viable Product) é o seu produto da maneira mais simples possível, apenas para testes a fim de que você possa analisar se ele cumpre com seu objetivo e que não tenha necessidade de grandes gastos;

  5. Após resultados positivos do MVP, é hora de aperfeiçoá-lo para o mercado. Lembre-se que é de extrema importância saber ouvir o seu cliente e, para isso, busque feedbacks para que seja possível seu produto se desenvolver cada vez mais.


Por fim e não menos importante, separamos uma pesquisa realizada pelo Sebrae, que identificou áreas em crescimento para o ano de 2019:


  • Serviços pessoais;

  • Serviços prestados às empresas;

  • Serviços na área de transporte, saúde e educação;

  • Serviços de informática e comunicação;

  • Serviços de apoio à agropecuária;

  • Bens que atendam às necessidades básicas da população.


Vale ressaltar que essas são apenas indicações feitas pelo Sebrae para o ano de 2019 em que foi feito um estudo, para micro e pequenas empresas, visando entender mercado em ascensão, mas que não garantem lucro imediato e aceitação dos clientes. Para isso, é preciso estruturar um planejamento de curto, médio e longo prazo a fim de conseguir se estabelecer no mercado. Logo é interessante realizar uma pesquisa de mercado para entender a necessidade e a opinião do público em relação ao empreendimento ou um plano de negócios com o intuito de planejar a área financeira e a área de marketing do empreendimento para conseguir se estabelecer no mercado de uma maneira mais assertiva.


Bom, acredito que a partir de todas essas informações que foram lhe proporcionadas, você tenha uma noção maior do quão é importante realizar uma Pesquisa de Mercado para saber a viabilidade do sue negócio. Além disso, é fundamental que você vá em busca de um especialista no assunto para que haja uma maior assertividade nos planos de ação para o alcance de seus objetivos e metas. A EJ UNICAP pode trazer esta solução para você e a sua empresa!


Por Filipe Spinelli, Consultor de Projetos de Gestão.


Fonte: Endeavor | Sebrae | Livro “A Estratégia do Oceano Azul” | TED x | Portal dos Administradores


Possui alguma dúvida? Se sim, entre em contato conosco que ficaremos muitos felizes em poder atende-lo. E não deixe de conferir nossos diversos conteúdos dispostos em nosso site!

110 visualizações
600px-WhatsApp.svg.png

CONTATO

Somos uma empresa de soluções multidisciplinar vinculada a Universidade Católica de Pernambuco, com o objetivo de potencializar os resultados dos nossos clientes e impacta-los por meio de projetos, nossos serviços são personalizados  de acordo com as necessidades e perfil de cada cliente.
© 2015 Empresa Júnior UNICAP

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Aberta das 8h às 18h
De Segunda à Sexta
81 3072-8333
81 9.9806-5991 (WhatsApp)
contato@ejunicap.com
Rua Almeida Cunha, 352, Santo Amaro - Recife/PE